Saiba tudo sobre câncer de pele em cães

U Milena Costa    t 20 de janeiro de 2018


Cães também podem ter câncer de pele, é por isso que é importante que os tutores tenham cuidados para evitar esse problema. Quanto antes um câncer for diagnosticado, mais fácil é o tratamento e maiores são as chances de uma boa recuperação.

Por isso você aprende nesse artigo como prevenir o câncer de pele no seu cão, e quando você pode suspeitar desse problema de saúde e recorrer ao veterinário. Além de entender um pouco sobre o tratamento.

Border Collie

Sintomas

Os sintomas aqui citados podem ser sintomas de algumas outras doenças. Até mesmo de pele como o transtorno de dermatite por lambedura, que tem causa psicológica. Ainda assim se seu cão apresenta alguns desses sintomas, ele pode ter câncer de pele.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre dar sorvete ao cachorro

Normalmente o câncer de pele se manifesta nos cães entre os 7 e 14 anos de idade. Sendo mais comum em fêmeas. O ideal é procurar a ajuda de um veterinário.

cão albino sob o sol

  • Nódulos
  • Caroços
  • Coceira intensa em uma região
  • Vermelhidão e crosta na pele
  • Perda de pelo
  • Feridas que não cicatrizam
  • Vômito
  • Cansaço
  • Emagrecimento progressivo
  • Diarreia

Tipos de câncer de pele

Os principais cânceres de pele são mastocitoma, carcinoma espinocelular e carcinoma das células escamosas. O ideal antes de desesperar no caso do seu cão ter sido diagnosticado com algum desses tipos, é pedir orientação para o veterinário.

Saiba como prevenir

Se você tem um cão de pelagem escura, não se engane, existe a possibilidade dele vir a ter câncer de pele. Mas obviamente os cães mais claros e com pele mais sensível como os albinos e semi albinos tem mais chances de sofrer desse problema.

cães ao sol

O ideal é ficar atento em todos os casos e dar atenção especial aos cães brancos, albinos e semi albinos. Evite deixa-lo tomar muito sol, os cães gostam de tomar sol, por isso é importante tomar cuidado para que não exagerem.

Se você tem um cão de pele mais sensível, vale a pena optar mais por passeios nos horários da noite. Não significa que seu cão não pode ver a luz do sol, mas que passar o dia no parque ou na praia, e passear em horário de sol mais forte não é uma boa ideia.

Aproveite para conferir nosso artigo sobre protetor solar para cães

Use diariamente protetor solar específico para cães, principalmente se seu cão for branquinho ou albino. Se você pretende levar seu cão a praia ou para passar o dia no parque, mesmo que ele tenha pelagem escura, vale a pena o uso do protetor solar.

Tratamento

cão branco no sol

O tratamento assim como em humanos é feito após o diagnóstico por meio de exame clínico. O tratamento em geral é feito com a remoção do câncer e sessões de quimioterapia e radioterapia.

Alguns outros tratamentos como a terapia fotodinâmica é usada em casos de lesões pré-malignas. Esse tratamento tem ganhado cada vez mais espaço no tratamento de câncer de pele.

Quanto antes o câncer for descoberto maiores a chances de cura e do cão se recuperar bem, por isso é importante estar sempre atento aos sinais que seu cão dá. Seja observando a pele ou outros sinais.

Artigos Relacionados


Fonte: Webcachorros

email
Deixe seu comentário: